Welsh Corgi Pembroke

O Welsh Corgi Pembroke já existe pelo menos desde o século 12, tornando-se uma raça mais jovem do que seu primo próximo, o Cardigan Welsh Corgi, mas ainda uma raça verdadeiramente antiga por direito próprio.

Esta é uma raça extremamente afável que faz um maravilhoso companheiro canino.

Eles ganharam reconhecimento internacional como o animal de estimação preferido da rainha Elizabeth II, que tem defendido a raça há mais de 70 anos.

O Welsh Corgi Pembroke foi aceito no Herding Group do American Kennel Club em 1934.

Tudo Sobre o Welsh Corgi Pembroke

História

O Welsh Corgi Pembroke é uma raça que se originou de outra raça com o nome muito semelhante, Welsh Corgi Cardigan, sendo que a diferença que mais salta à vista é o rabo porque o Cardigan tem o rabo comprido e o Pembroke não.

Foi no Pais de Gales que eles surgiram com a função de ser cães pastores que mordiam nos calcanhares do gado para os guiar e como são relativamente pequenos conseguiam passar por baixo das pernas dos mesmos sem problemas.

Não se sabe ao certo a antiguidade desta raça mas acredita-se que seja pelo menos datada do século XI.

Só passados muitos anos é que esta raça começou a ir ás exposições de cães, e no inicio não teve muita popularidade e fazia confusão aos juízes as duas raças de Welsh Corgi por causa das diferenças existentes, até que mais tarde os tratadores começaram a cuidar melhor dos cães, a dar-lhe outro aspecto, e eles começaram a chamar a atenção e foi então que as duas raças foram separadas de vez.

A partir de então veio ganhando muita popularidade que culminou no tempo de D. Elizabeth II que amava estes cães.

Welsh Corgi Pembroke saúde cuidados

Temperamento

Esta raça é bastante ativa e gosta sempre se estar em exercício, quer físico como mental. São bastante rápidos e gostam de mostrar serviço e agradar o seu dono.

São ótimos cães para ter com crianças, ás vezes um pouco tímidos com estranhos e outros cães e costumam latir muito, servindo também como ótimos cães de guarda apesar do seu tamanho.

Corgis eram cães de pastoreio resistentes que levavam seus empregos a sério. Eles mordiscavam os calcanhares do gado para mantê-los na linha e isso faz com que ainda hoje tenham um sentido de responsabilidade muito grande.

Veja também mais raças de cães de porte médio:

Adestramento Welsh Corgi Pembroke

Pembroke Corgis são cachorros com uma personaidade forte. Eles gostam de estar no comando e resistirão a um treinador intransigente.

Eles preferem fazer as coisas no seu próprio ritmo, então é necessária muita paciência ao treinar esta raça.

Reforço positivo e muitas guloseimas garantirão um Corgi mais recetivo a comandos. Uma vez estabelecida a liderança consistente ele deverá levar bem o adestramento e gostar de aprender novas tarefas.

Welsh Corgi Pembroke filhote

Saúde e Cuidados a Ter

O Welsh Corgi Pembroke não precisa de muitos cuidados. O pêlo deve ser escovado pelo menos uma vez por semana se possível e como muitos cães, precisa de se exercitar e queimar a energia acumulada.

Em termos de saúde, é um cão forte que não costuma ter muitos problemas mas os problemas com a coluna por ser um pouco pesado para o seu tamanho são um tanto frequentes, por isso deve se evitar que ele tenha que subir muitas escadas, sofás ou coisas desse género.

Outros problemas que costumam surgir em alguns cães desta raça são:

  • Mielopatia degenerativa;
  • síndrome de Ehler-Danlos;
  • Glaucoma;
  • displasia coxofemoral;
  • Doença do disco intervertebral;
  • Atrofia retiniana progressiva;
  • Catarata;

Algo que qualquer dono pode fazer pelo seu cachorro (independentemente da raça) inclui:

  • Verificar as orelhas regularmente para sinais de acúmulo de cera, irritação ou infecção;
  • Limpar as orelhas com uma bola de algodão e um limpador veterinário aprovado;
  • Escovar os dentes semanalmente para evitar o acúmulo de tártaro, promover a saúde das gengivas e manter o mau hálito sob controle;

E então, já ficou a saber mais sobre o Welsh Corgi Pembroke, o seu temperamento, história, saúde, cuidados a ter, etc…?

Deixe em baixo nos comentários qualquer dúvida ou sugestão com que tenha ficado após a leitura do artigo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *